Meu lugar

 

(Foto: Michelle Ferraz)
(Foto: Michelle Ferraz)

Falo sobre partir daqui, mas não entenda como ingratidão, meu Amor. Reconheço que cada novo dia é uma dádiva. Sei que cada suspiro é um presente pelo qual tantos buscam desesperadamente. Mas é que, Você bem sabe, aqui não é a minha casa. Fosse assim, Você não teria ido embora preparar uma morada para mim. Fosse assim, eu estaria aconchegada em Teus braços, sem me preocupar com um amanhã incerto.

Definitivamente, aqui não é o meu lugar.

Falo sobre partir daqui para me deitar aos Teus pés. Anseio pelo lugar onde minhas lágrimas não encontrarão motivo algum para rolar, onde as batidas do meu coração só mudarão de ritmo se for por Você – porque as preocupações já não existirão. Quero a calmaria que vem com Teu sussurro, a paz da Tua voz ao pé do meu ouvido. Sonho com meus olhos nos Teus, com nossos risos misturados [o seu enfeitado por covinhas nas bochechas, imagino] e com a leveza de um sono sobre um travesseiro de nuvens.

Definitivamente, aqui não é o meu lugar.

Falo sobre partir daqui porque espero, com intensa vontade, viver a doce sensação de nada além da Tua presença… [nada e tudo, no mesmo pontinho]. Quero me aconchegar na minha casa eterna, onde não há sombra de dor. Aspiro pela infinitude em Você, pelo ar puro que só Teu sopro é capaz de trazer. Desejo acordar envolta em Teu manto, livre daquelas lembranças que só fazem atormentar, longe deste lugar onde, constantemente e por razões óbvias, me sinto não adequada.

Definitivamente, aqui não é o meu lugar.

Falo sobre partir daqui. E, enquanto a gente não se encontra na nossa linda morada, vivo amparada pelo Teu favor, sob Tua graça, na esperança de que Você volte para me buscar, naquele dia em que poderei ver e tocar Tua face. Enquanto a gente não se encontra na nossa esplêndida morada, sigo brigando, insistentemente, com minha memória para que ela nunca se esqueça daquela nossa conversa sobre as minhas aflições. “Tenha bom ânimo, filha amada”, Você me disse. “Eu, que fui castigado e morto por culpas que jamais foram minhas, venci o mundo”.

Definitivamente.
Meu lugar está escondido em Você.

_____

De julho de 2014.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s